Posts Tagged ‘Mozart’

Minha mãe e o lente Mário de Andrade.

terça-feira, maio 14th, 2019

Minha mãe Antonietta, formou-se professora de piano pelo Conservátorio Dramático Musical de São Paulo, e pelas anotações nas suas partituras – Cravo bem Temperado, Sonatas de Mozart, Beethoven, Estudos, Prelúdios e Valsasde Chopin, etc… –  posso imaginar quanto os lentes, eram rigorosos. História da Arte: Mário de Andrade.

Clique para ampliar

Clique para ampliar

Muitas vezes perguntei a ela:

– Mãe, como era o Mário de Andrade?

– Ih, ele era muito sério…rigoroso… 

Décadas se passaram, e eu querendo saber mais sobre o sobre o Multimário, solfejava a mesma pergunta, e ela repicava a mesma resposta com o saudoso sotaque do Brás, tempo em que  bairro tinha sotaque.

Até que:

– Mãe, como era o Mário de Andrade?

– Ih, ele era muito sério…rigoroso… 

– Ô mãe, improvisa pô!

  •

  

Saudades Neninha.

Clique para ampliar

Clique para ampliar

Clique para ampliar

Nunca ouvi ninguem tocar  Tico tico no fubá com o molho da Nena.

A partitura – e a de Tardes de Lindóia – compradas do próprio Zequinha de Abreu, suarento, cansado, vendendo de porta em porta na ladeira que era a rua Asdrúbal do Nascimento na cidade de São Paulo. Imagine sua situação financeira!

Tardes de Lindóia dei de presente ao grande José Ramos Tinhorão e hoje ela deve estar muito bem guardada no acervo do Instituto Moreira Salles. Biscoito finíssimo.

Mozart.

domingo, janeiro 27th, 2019

Joannes Chrysostomus Wolfgangus Theophilus Mozart (27 de janeiro – 5 de dezembro).

Deixou para o patrimonio da humanidade mais de seiscentas composicões e foi embora com trinta e cinco anos!

Ouça os dois minutos e quarenta e quatros segundos do Kyrie, do seu Requiem em Ré menor, KV 626, com a orquestra e côro da Sinfônica da Rádio de Baviera e regência de Leonard Berstein.

Audio clip: Adobe Flash Player (version 9 or above) is required to play this audio clip. Download the latest version here. You also need to have JavaScript enabled in your browser.

Difícil até de imaginar como alguem consegue escrever algo assim!